Quarta, 10 de Agosto de 2022
310000-0000
Geral Minas Gerais

Minas supera marca de 514 mil postos de trabalho com carteira assinada 

Em maio, pelo quarto mês consecutivo, estado mantém saldo positivo de empregos, com geração de 29.970 oportunidades para os mineiros 

28/06/2022 17h25
Por: Redação Fonte: Secom Minas Gerais
Gil Leonardi / Imprensa MG
Gil Leonardi / Imprensa MG

Minas Gerais já ultrapassou a marca de 514 mil postos de trabalho gerados na atual gestão, segundo dados do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged), divulgados nesta terça-feira (28/6) pelo Ministério do Trabalho e Previdência.  Em maio, pelo 4º mês consecutivo, o estado também manteve saldo positivo na geração de empregos, com 29.970 oportunidades. No acumulado do ano, já são 108.747 vagas formais disponibilizadas aos mineiros. 

Com a consolidação dos dados do Caged, desde janeiro de 2019 até maio deste ano, Minas Gerais já garantiu a geração de 514.740 vagas com carteira assinada, resultado da admissão de 8.585.138 trabalhadores e do desligamento de outros 6.260.398 neste período. Após saldo negativo de 1.014 vagas de empregos formais registrado em 2020, consequência da crise provocada pela pandemia de covid-19, houve uma recuperação no mercado mineiro de trabalho no ano passado, com saldo positivo de 309.287 vagas. 

"O cenário otimista projetado para a economia de Minas Gerais em 2022 vem se confirmando com a sequência de resultados positivos de geração de empregos. Observa-se o contínuo crescimento das contratações e das atividades de produção e consumo, sobretudo nos setores de indústria, serviços e comércio", afirmou Amanda Siqueira Carvalho, diretora de Monitoramento e Articulação de Oportunidades de Trabalho da  Secretaria de Estado de Desenvolvimento Social (Sedese)  

Caged de maio 

No mês de maio, Minas registrou o quarto saldo positivo consecutivo na geração de empregos com carteira assinada, com 29.970 postos de trabalho, resultado de 217.499 admissões e 187.529 desligamentos. 

Comparando com outras unidades da Federação, o estado ficou em segundo lugar na geração de empregos formais, ficando atrás apenas de São Paulo, que registrou, no mesmo período, saldo de 85.659 postos de trabalho. 

Por setor de atividade econômica, todos os grandes grupos registraram desempenho positivo em maio, com liderança de serviços (12.627 novas vagas), seguido por indústria (5.429), comércio (5.427), construção civil (3.491) e agropecuária (2.996). 

Oportunidades em Minas 

De acordo com o  Painel de Informações do Sistema Nacional de Emprego (Sine) , nas 133 unidades do órgão, coordenadas em Minas pela Sedese , existem 11.094 vagas de empregos abertas nesta terça-feira (28/06), sendo 311 para pessoas com deficiência (PCD).  Há 1.313 vagas para serventes de pedreiro, 866 para alimentador de linha de produção e 720 para pedreiros, entre outras.  

A consulta ao Painel foi disponibilizada pelo  Governo de Minas  em fevereiro deste ano. Pela internet, o trabalhador pode ter acesso às oportunidades disponíveis em todas as unidades do Estado. No sistema, há filtros por região, município, ocupações e unidades. 

Ele1 - Criar site de notícias